Buscar
  • Equipe Vitória Imagem

Você sabe o que é uma Gestação Ectópica?

Atualizado: Set 1




Também conhecida com gravidez extra-uterina, ocorre quando a gestação se inicia fora do útero, devido à implantação anômala do embrião, que deveria seguir caminho até o útero, mas acaba ficando preso nas trompas de Falópio.


Essa gravidez ocorre, com apenas 1% da população feminina. Suas causas podem ser várias, mas geralmente estão relacionadas com as infecções pélvicas e, principalmente, por doenças sexualmente transmissíveis, cirurgias ginecológicas prévias, uso de DIU sem acompanhamento médico, tabagismo, dentre outras.


Os sintomas iniciais podem se confundir com os de uma gestação inicial, podendo ocorrer dor pélvica, sangramento genital ou enjoos.


A ultrassonografia é o método de escolha para o diagnóstico, pois, além de identificar se o embrião está localizado no útero, ou não, ajuda no diagnóstico precoce, evitando as graves complicações desta enfermidade. Além do exame de imagem, observa-se necessário a realização da dosagem de B HCG e a análise dos demais dados clínicos para o diagnóstico.


A adoção de um tratamento menos invasivo depende, e muito, do diagnóstico precoce. O uso de medicamentos pode ser indicado. Dois fatores são decisivos na indicação do tratamento: o tamanho do saco gestacional e da dosagem de B HCG da paciente. O objetivo número um de qualquer profissional médico é manter a fertilidade das trompas.


Em muitos casos, torna-se necessário uma abordagem cirúrgica. Ela pode ser conservadora, aonde o objetivo é a preservação da trompa. No entanto, pode ser necessária a retirada completa do órgão, o que não impede que outra concepção possa ocorrer.


É totalmente possível uma nova gravidez futura se a mulher permanecer somente com uma das trompas.


Texto escrito pela Dra Rubienne Fachetti

CRM 8340

RQE 10410

8 visualizações

Av Doutor Herwan Modenese Wanderley, 100

Jardim Camburi, ES 29090-640

©  2019  Todos direitos reservados a Vitória Imagem

Site criado pela Visão Comunicação